21.11.05

trevo

acordei doce no corpo: ainda o musgo e a lua
ainda o tempo
do lado de cá do muro

sim, amor
é o fogo na semente e a terra nos pés
descalça
é o rio cá dentro e a brisa
ainda nós
a cada instante
trevo

8 comments:

Friedrich said...

Gostei muito de te ler, aliás e de ouvir também... Felicidades no amor a na tua paz!

Beijos

AmigaTeatro said...

Aii, como é que podes falar em "brisa" numa altura destas? Que arrepio, pá...


(Entre parêntesis, sem me aperceber, tinha feito um comentário um tanto ou quanto grande. Tinha dito o quanto me sabia bem fechar os olhos e saborear as tuas palavras. Escrevi, escrevi e fui escrevendo. Cansei-me. Apaguei tudo. E sabes que mais? Tive saudades de pegar, mais uma vez, no doce “a mar te”, abrir o livro e ler na página que calhar. Fechar os olhos e adormecer, por momentos. E é isso que vou fazer... )

(afinal, apaguei e o comentário, agora sem as palavras merecidas, é quase tão grande como o outro...)*****

Dulcineia said...

Olá.Descobri um lugar muito calmo,LINDO.

lena said...

:)***


e eu tantos dias sem cá vir!!

Tramp said...

Não me canso de te ler
nunca
Fico ás voltas com os sentidos mas caio sempre aqui


becitu

Friedrich said...

Realizações, Alegrias, Saúde muito Amor e Paz! E sobretudo saber viver em liberdade...

Os meus melhores votos aos amigos e a todos aqueles que me comentaram desejo-vos um Santo e Feliz Natal, e que o Novo Ano 2006 esteja incluído nas vossas vidas tudo isto que vos desejo.

Boas Festas
Beijos e Abraços fraternos

Friedrich said...

Nunca encontro as palavras certas para comentar aqui... Assim, espero que as palavras que me deixas ficar de variadíssimas maneiras, sobrem para aliviar as tristezas de alegrias pálidas! Mas pela força de bloqueamento expressivo remeto-as nos meus dois Babushkas para ti.

Hipe, hipe, urra! Urra urra urra. Hipe hipe urra. Shiribi tá tá tá. Shiribi tá tá tá. Urra urra urra...
Próspero Ano Novo 2006 - Hipe hipe urra!

Felicidades LAURA
Um enorme beijo

lena said...

:)